• Central de atendimento 24h (011) 4780-5608
  • Como recomeçar depois de um momento difícil?

    Durante a vida passamos por muitas mudanças e encerramentos de ciclos, que muitas vezes ocorrem de forma abrupta e dolorosa. Seja o fim de um relacionamento, uma demissão ou até mesmo a perda de uma pessoa importante, não importa! O fato é que as nossas vidas podem mudar de uma hora para outra e podemos nos deparar com situações difíceis de se lidar.

    Todos esses momentos nos trazem sentimentos de tristeza, raiva ou frustação, sendo que podem ser considerados como luto, mesmo que não haja uma morte física. Por isso, o luto emocional, assim como o luto pela morte de alguém, pode ser composto por fases que, de acordo com a psiquiatra suíça Elisabeth Kübler-Ross, são: negação, raiva, barganha, depressão e aceitação.

    De acordo com o livro “A Roda da Vida” de Elisabeth Kübler-Ross, não existe alegrias sem dificuldades e nem prazer sem dor. Segundo a psiquiatra, quando uma pessoa está em uma situação difícil onde não consegue ver saída, só existem duas coisas a serem feitas: ou a pessoa cai no negativismo e começa a procurar culpados ou segue em frente e recomeça. Simples assim!

    Todas as pessoas passam por grandes percalços durante a vida, que podem causar dor e sofrimento, mas é importante vermos esses momentos como oportunidades para evoluirmos. Durante os momentos mais difíceis é que aprendemos a encontrar as saídas mais criativas para uma vida melhor.

    Uma crise em um grau moderado pode ser vista como uma oportunidade para o crescimento pessoal de uma pessoa. Ela terá a chance de se autoconhecer e de desenvolver possibilidades criativas.

    Entretanto, para que uma pessoa possa superar os momentos de dificuldade, é preciso que ela se adapte ao processo e assuma o controle da situação. Isso será fundamental para lidar com as situações problemáticas que podem surgir na vida de qualquer pessoa.

    O recomeço é uma parte muito importante da recuperação de uma pessoa que passou por um momento difícil. É nele que podemos planejar a vida e alinhar o autoconhecimento aos desejos pessoais, podendo trazer grande satisfação e bem-estar. Preparamos algumas dicas para ajudar você a recomeçar depois de um momento difícil, veja a seguir!

    Respeitar o próprio tempo

    Todas as pessoas são diferentes umas das outras, por isso, cada um tem um tempo diferente para recomeçar depois de momento difícil, pois somos seres únicos.

    É importante termos a consciência de respeitar o próprio tempo de cada um, bem como as suas necessidades. Nesse sentido, o autoconhecimento pode ser um grande aliado para superar os momentos difíceis. Ele ajuda a pessoa a se encontrar quando está perdida e ver a vida de uma forma diferente e mais otimista.

    O autoconhecimento ajuda a evitar a comparação com outras pessoas, pois a partir dele percebemos que cada um tem seu tempo e sua forma de compreender os ciclos da vida, de acordo com a experiência de vida de cada um.

    Não se sinta culpado

    Quando estamos passando por uma situação difícil, é normal sentirmos culpa e sentimentos negativos. Porém, isso não ajuda em nada, pelo contrário, isso poderá fazer com que a situação fique ainda pior.

    Ao sentirmos culpa por estarmos passando por um momento difícil, podemos estar prolongando a situação, o que pode nos paralisar e, assim, não conseguimos seguir em frente. Então, procure não ficar carregando as dores do passado ao longo da vida.

    É importante saber deixar o passado para trás e por mais que alguns fatos sejam muito dolorosos, eles já aconteceram e não fazem mais parte do agora. Libertar-se de sentimentos do passado podem ajudar a pessoa a recomeçar a vida com muito mais força e determinação.

    Analise bem toda a situação

    O pai da psicanálise Carl Jung afirmou que, aos observarmos um sintoma, devemos nos questionar. Contudo, mais importante do que se perguntar o “por quê?”, é nos questionar “para que?”, ou, “ qual a finalidade daquela situação em nossas vidas?”.

    Partindo desse ponto de vista, podemos considerar a importância de conhecermos o nosso próprio potencial e seus recursos criativos. Quando conhecemos bem a situação que estamos é mais fácil encontrar uma saída construtiva. Quando aprendemos a lição, a dor se vai.

    Olhe para dentro de si mesmo

    Quando olhamos para dentro de nós mesmos podemos encontrar ferramentas importantes para enfrentar as situações difíceis que a vida nos apresenta. Essas ferramentas podem ser os recursos necessários para que se possa sair mais forte e maduro de uma situação difícil.

    Algumas pessoas possuem facilidade para ter insights criativos, mas em alguns casos a ajuda de um psicólogo se faz necessária. O profissional poderá ajudar na compreensão desses recursos que muitas vezes são desconhecidos da própria pessoa e que podem ajudar a enfrentar uma situação complicada.

    A importância de estabelecer objetivos futuros

    Todas as pessoas precisam de objetivos para recomeçar e seguir em frente. Criar perspectivas futuras não é apenas encontrar um emprego novo ou novo relacionamento, tem a ver com as coisas que motivam você, que o deixam feliz.

    Quando você encontra algo que motive seus ideais e interesses pessoais fica mais fácil de fazer escolhas e tomar decisões, bem como ter mais clareza sobre os reais motivos para recomeçar.

    Assuma o controle do processo

    Seja o protagonista do seu processo de recomeço. O ser humano possui uma capacidade incrível de ser flexível, mas com o ritmo acelerado do mundo moderno, muitas vezes não temos tempo de nos adaptar a todas as situações que aparecem a nossa frente.

    Por isso, é importante assumirmos o protagonismo de nossas próprias histórias. Assim, podemos encontrar mais força de vontade para enfrentar as situações difíceis da vida.

    A importância de buscar ajuda

    Todos nós passamos por situações difíceis na vida, mas algumas delas acabam nos paralisando e nos impedindo de seguir em frente. Se você estiver passando por uma situação difícil e não sabe como sair dela, é importante saber pedir ajuda a um profissional de saúde.

    Esses profissionais podem nos ajudar a nos entendermos melhor e, assim, encontrarmos melhores formas de passar por um momento difícil. Os processos de encerramentos de ciclos podem nos trazer sintomas como ansiedade, tristeza e medo.

    Contudo, um profissional pode ajudar a aliviar todos esses sintomas para que a pessoa possa retomar a sua vida e seguir em frente.

    Deixe um comentário