• Central de atendimento 24h (011) 4780-5608
  • 15 rituais de luto que ajudam a superar a dor da perda atualmente

    O luto é um momento de sofrimento no qual todos estão destinados a enfrentar. Porém, com a chegada da pandemia causada pelo COVID-19, as formas de viver esta fase de passar pelos rituais do luto, acabaram sofrendo modificações.

    Isso porque, quem perde um ente querido pela doença não pode ver o corpo uma última vez no velório. Isso sem contar os outros fatos que impedem as cerimônias de despedidas no geral, como é o caso do distanciamento social.

    Com isso, para que a pessoa viva o momento de dor de alguma forma, foi necessário modificar alguns rituais do luto, vivendo essa fase de maneiras diferentes para que a dor possa ser expressa, mesmo com todas as dificuldades atuais. 

    Pensando nisso, trouxemos hoje 15 rituais de luto que ajudam a superar a dor nos momentos difíceis da atualidade. Continue lendo para descobrir.

    As mudanças na maneira de expressar o luto com a chegada da pandemia

    Com a chegada do COVID-19, as pessoas passaram a viver e expressar o seu luto de maneiras diferentes. Isso porque, o que antes era possível se fazer durante os rituais de passagem, marcados, principalmente, pelo velório, passou a ficar mais difícil com o início do isolamento social. 

    Desta forma, as pessoas tiveram que se readaptar para expressar seus sentimentos, podendo assim dar um último adeus àqueles que amam, consolando-se de alguma forma para então poder seguir em frente.

    Assim, algumas novas ações passaram a fazer parte desta fase, como são os casos das carreatas em homenagem à pessoa falecida e até mesmo as lives feitas com o auxílio da internet e da tecnologia. Ato esse que passou a ser criado para que os entes queridos do falecido possam reunir-se e prestarem uma última homenagem.

    Os velórios ainda existem, porém o tempo do ritual acabou tornando-se reduzido e em alguns locais, é contada a quantidade de pessoas que podem entrar por vez para prestar uma última homenagem. Além disso, o afeto presente neste momento, como os abraços, acaba tornando-se mais restrito e até mesmo evitado.

    O que antes era considerado algo intitulado como falta de respeito, passou então a se tornar comum entre as pessoas no momento do sepultamento. Modificando então as maneiras de passar por este momento tão doloroso.

    Quais rituais do luto usar lidar com o sofrimento nos dias atuais?

    Passar pelo luto é algo inevitável, por isso, enfrenta-lo da maneira mais saudável possível é essencial. Para isso, é necessário respeitar o seu momento, seu tempo e até mesmo as suas maneiras de lidar com a perda. Criar seus próprios rituais do luto também irá colaborar para viver a perda. 

    A psicóloga Paula Leverone que é sócia fundadora do Instituto Trilhar de Psicologia, um local especializado em abordagens terapêuticas do luto, pensando nessa nova fase de rituais do luto a serem vividos pelas pessoas, preparou uma lista com algumas ações que podem ajudar no momento de lidar com a perda:

    1- Crie um diário para falar sobre seus sentimentos

    Falar sobre aquilo que se sente é muito importante na fase do luto, mesmo que este ato seja feito para si próprio. 

    Por isso, criar um diário para falar sobre os seus sentimentos pode, de fato, auxiliar para enfrentar o momento de maneira saudável, revelando para si mesmo quais são as suas dores e como você pretende passar por tudo isso.

    2- Escreva para seus familiares ou nas redes sociais sobre os seus sentimentos

    Compartilhar com outras pessoas sobre aquilo que se está sentindo, também é uma boa forma de lidar com o luto. Até porque, mesmo que os ouvintes não estejam presentes para demonstrar um ato de carinho, eles podem ajudar com palavras de conforto.

    Além disso, compartilhar o sentimento de dor ajuda a reforçar a sensação de não se sentir sozinho para viver o luto. O que colabora então para ganhar forças para enfrentar o momento doloroso.

    3- Faça um álbum de recordações

    Organize imagens ou vídeos da pessoa falecida, reviva aqueles momentos bons que foram capturados em cada foto. Assim, a saudade ficará baseada em coisas boas que você teve com essa pessoa em vida, mostrando o quanto foi feito por ela e o quanto você foi presente para aquela pessoa amada.

    Além disso, guardar essas imagens colabora para que você possa sempre se recordar da sua aparência, levando em consideração como ela se vestia, como falava, como arrumava o cabelo e até mesmo como se comportava.

    4- Escreva uma carta para o ente falecido

    Escrever para a pessoa que se foi auxilia para que você possa expressar aquilo que gostaria de falar e que talvez não pôde dizer. Além disso, colabora também para que você possa falar àquela pessoa como você se sente com o ocorrido. Isso, de fato, é saudável para aliviar a dor e serve como um bom ritual de luto.

    5- Crie um memorial de homenagem.

    Em um espaço de sua preferência, faça um memorial da pessoa falecida, com fotos e itens que lembrem esta pessoa. Isso será importante para fazer com que a presença do ente querido ainda se faça presente, mesmo que apenas no coração.

    Mas lembre-se: Não venere ou faça deste local um “templo de adoração”. O intuito do memorial é apenas mostrar a si mesmo que a pessoa homenageada ainda se encontra presente no seu coração, um ritual do luto que irá colaborar a viver o momento de dor.

    6- Preste sua homenagem por meio de plataformas virtuais

    Com a chegada do COVID-19, surgiram novos meios de comunicação para que os familiares e amigos das vítimas possam prestigiar e homenagear seus entes queridos. 

    Um exemplo dessas novas plataformas é a Inumeráveis, um memorial on-line que tem por objetivo prestar homenagens às vítimas fatais da doença. 

    7- Crie desenhos que representem a pessoa

    Criar desenhos ou pinturas da pessoa ou de itens que relacionem a essa pessoa também é uma boa forma de criar um ritual de luto para vivenciar o momento de dor. Até porque, assim como nos outros itens citados aqui, Isso fará com que você lembre-se dessa pessoa com carinho e afeto, mesmo não podendo ter um último momento de despedida vendo-a pessoalmente.

    8- Pense em formas de se despedir

    Com a pandemia, fazer um cerimonial em homenagem ao falecido, muitas vezes não é possível por conta da aglomeração. Por isso, pense em maneiras de criar este cerimonial, mesmo que seja após a pandemia.

    Crie grupos nas redes sociais para homenagear o ente querido, crie lives, ou destine uma página em homenagem a ele.

    9- Faça uma caixa de memórias.

    Armazenar itens do falecido também é uma maneira de lidar com o luto. Por isso, se não quiser, não precisa se desfazer de todos os itens deixados por ele.

    Ao invés disso, faça uma caixa de recordações e armazene nela apenas o que represente algo muito importante e que te faça lembrar a pessoa, como: fotos, peça de roupa, perfume, acessórios e afins.

    Conheça + 6 rituais de luto para lidar com a perda

    Além dos rituais já mencionados aqui pela Psicóloga Paula Leverone, você pode ainda utilizar algumas outras ações que serão essenciais tanto para vivenciar o luto, quanto para ajudar alguém que está passando por este momento. Veja a seguir:

    10- Conte com a ajuda de amigos e familiares

    Os amigos e familiares são muito importantes neste momento. Por isso, esteja sempre aberto a receber a ajuda deles, mesmo que lhe ofereçam simples gestos como uma frase de motivação, ou uma comida especial. Cada ajuda conta para fazer com que a dor seja amenizada.

    11- Organize ou participe de carreatas em homenagem ao ente querido

    Não se intimide em expressar seus desejos de homenagear o seu ente querido e a carreata é uma maneira de demonstrar esta homenagem.

    Por isso, conte com seus amigos para o evento e caso não tenha forças para planejar o evento sozinho, peça para que alguém organize o momento para você.

    12- Prepare uma comida que você goste

    Às vezes, comermos aquilo que gostamos auxilia para amenizar a dor, liberando um pouco a felicidade que se encontra escondida devido ao sofrimento. Por isso, tire um tempo para desfrutar de uma boa comida, seja com amigos ou apenas na sua própria companhia.

    13- Desfrute de boas companhias

    Passar pelo luto sozinho às vezes pode gerar o sentimento de solidão. Por isso, sempre que possível, busque pela companhia das pessoas que você ama. Elas com certeza estarão ao seu dispor. Seja para ouvir, aconselhar, ou apenas para lhe dar um pouco de afeto.

    14- Participe de grupos de oração

    Independente de sua religião, buscar por um grupo de oração também é uma excelente opção para manter o coração mais calmo.

    Isso porque ao se apegar em uma fé, você pode sentir-se mais leve, tendo então a consciência de que a alma de seu ente querido encontra-se descansando em um bom lugar.

    15- Busque ajuda de um profissional

    Em alguns casos, mesmo criando diversos rituais de luto, ainda é difícil enfrentar o momento sozinho. Neste caso, a ajuda de um profissional da área da psicologia é sempre bem-vinda.

    Por isso, não se deixe sentir-se triste por muito tempo e, caso note sentimentos mais profundos neste período, procure por um psicólogo e cuide de sua saúde mental.

    Trabalhar o luto e seus rituais é essencial para que a dor possa ser transformada em uma saudade saudável, sem impedir que a dor interfira na continuação da vida. 

    Por isso, é importante avaliar individualmente o ritual que melhor se enquadra com você e as opções cabíveis para enfrentar a dor da perda da melhor maneira possível.

    Deixe um comentário