• Central de atendimento 24h (011) 4780-5608
  • Maiores cemitérios do mundo: em quais desses você teria coragem de ir?!

    Surpreenda-se com a imensidão: confira os maiores cemitérios do mundo e prepare-se para sentir vontade de conhecê-los! 

    Quanto o assunto são os maiores cemitérios do mundo, muitos os consideram pontos turísticos valiosos de se conhecer, devido a sua expressão arquitetônica e artística. 

    Independente do sentimento particular que cada um expressa sobre cemitérios, sua importância é incontestável. 

    Não só por garantir o “descanse em paz” daqueles que amamos, garantindo com que aceitemos a morte, mas por ser um lugar que nos permite compreender a história da sociedade da qual ele faz parte. 

    Se você é uma pessoa que reconhece que, sepulturas, mausoléus, tumbas e túmulos podem sim conter uma beleza única de ser admirada e histórias que merecem ser contadas, continue a leitura deste artigo e conheça os maiores cemitérios do mundo. 

    Conheça quais são os 7 maiores cemitérios do mundo

    Talvez você nunca tenha pensado em incluir no seu passeio turístico, a visita em algum cemitério. Pois saiba que assim, você com certeza perderá de conhecer alguns dos lugares mais incríveis do mundo. 

    Da mesma forma que as grandes cidades, grandes necrópoles também podem oferecer uma fantástica experiência.

    Desde lugares com natureza incrível, forte presença histórica, visita a pessoas ilustres que foram sepultadas nesses cemitérios, tranquilidade e outras oportunidades de entretenimento que você sequer imaginou que seria possível.

    Listamos abaixo, 7 dos maiores cemitérios do mundo que, com certeza irão despertar a sua curiosidade e vontade de incluí-los nos seus projetos de viagem pelo mundo. 

    Boa leitura! 

    1. Cemitério de Brookwood

    Lápides espalhadas no Cemitério de Brookwood

    Fundado em 1849 pela London Necropolis Company e localizado na cidade de Woking, condado de Surrey, Inglaterra, esse cemitério possui uma área de 2.023.430 m² e cerca de 235 mil sepultados e é o maior cemitério do Reino Unido, e o décimo maior do mundo.

    A sua criação tinha o propósito inicial de sepultar os corpos dos moradores de Londres, pois na época a cidade passava por certa dificuldade em alojar a população, mas no ano de 1917, um cemitério militar foi adicionado e contém alguns corpos da Segunda Guerra Mundial sepultados lá.

    O seu jardim foi projetado tendo a atratividade em mente e com a intenção de que possuísse uma atmosfera de primavera perpétua, por isso as plantas foram escolhidas de acordo com isso, tendo o primeiro plantio significativo de sequoias gigantes da Inglaterra.

    Também existe uma forte presença de magnólias, sequoias costeiras, andromedas, azaleias, rododendros e monkey puzzle. 

    Esse jardim cumpre a sua pretensão de uma primavera perpétua, com muitas flores o ano todo e perfume floral por todo o cemitério. Isso contribuiu para o cemitério ser listado no Grau I de no Registro de Parques e Jardins Históricos da Inglaterra. 

    Na época de sua criação, o Cemitério de Brookwood era um dos poucos que permitia sepultamento aos domingos. 

    Além de ser um dia de maior escolha pelos pobres, por não haver necessidade de que familiares faltassem o trabalho, também era o dia escolhido para enterro de atores, visto que apresentações teatrais também eram proibidas aos domingos. 

    Várias personalidades históricas estão enterradas neste cemitério, entre elas Eduardo, o Mártir – Rei da Inglaterra.

    2. Cemitério Nacional de Arlington 

    Lápides presentes no Cemitério Nacional de Arlington

    Com uma área de 2.525.240 m² e mais de 400 mil sepultados, ele é localizado na cidade de Arlington, Virgínia. É considerado o oitavo maior cemitério do mundo e o mais famoso cemitério militar dos Estados Unidos, além de ser um dos mais antigos do país, tendo sido fundado em 1864. 

    Todos os anos, passam por ele mais de 4 milhões de turistas que o visitam para prestigiar vários monumentos em memória de grandes personalidades como o presidente John Kennedy e seu irmão senador Robert Kennedy, os astronautas da nave Challenger, os generais Omar Bradley e Jonathan Wainwright, entre outros nomes famosos e heróis de guerra. 

    A cerimônia de posse do presidente americano Joe Biden contou com uma visita ao Túmulo do Soldado Desconhecido do Cemitério de Arlington, que corresponde a um ato solene e simbólico de cada novo presidente com as Forças Armadas dos Estados Unidos. 

    Esse monumento também atrai a maioria dos turistas que visitam o cemitério. Ele é uma homenagem a todos os soldados desconhecidos que foram mortos na Primeira Guerra Mundial, Segunda Guerra Mundial e na Guerra da Coréia. 

    O jazigo é permanentemente vigiado por uma Guarda de Honra do exército e o momento mais aguardado pelos turistas que o visitam, é a sua troca de sentinelas. 

    3. Rookwood Cemetery 

    Tumbas no Rookwood Cemetery

    Fundado em 1968 e localizado em Sydney, na Austrália, o Rookwood Cemetery é o sexto maior cemitério do mundo. Possui uma área de 314 hectares com mais de 915 mil pessoas enterradas e cremadas.

    É o maior cemitério remanescente da era vitoriana em funcionamento no mundo e possui o crematório mais antigo do país.

    É um lugar que conta a história da diversidade cultural de Sydney, sendo considerado a maior necrópole multicultural do Hemisfério Sul. 

    O cemitério é dividido em diversas seções para várias denominações, que abrigam a comunidade católica, islâmica, budista, judaica, independentes (congregacionalistas), presbiterianos e wesleyanos. 

    Possui 130 terrenos de enterros exclusivos, áreas memoráveis, modernas e históricas; jardins culturalmente específicos, nove belas capelas, quatro edifícios e um centro de eventos de última geração.

    Apesar de seu tamanho intimidador, sua organização facilita que as pessoas encontrem facilmente seus entes queridos enterrados nesse cemitério.

    O cemitério também conta com sepulturas de guerra, com 435 militares da Primeira Guerra Mundial e 274 da Segunda Guerra Mundial, além de três túmulos da Guerra Holandesa.

    Dentro do cemitério fica o Memorial de Sydney, com quase 700 corpos enterrados de funcionários do Exército Australiano, da Força Aérea Real Australiana e da Marinha Mercante Australiana que morreram na segunda Guerra Mundial 

    Uma vez por ano, é realizada no Rookwood Cemetery uma exposição de arte de instalação.

    4.Karacaahmet Cemetery

    Vista do Karacaahmet Cemetery

    Localizado em Istambul, Turquia, o Karacaahmet é o quinto maior cemitério do mundo. Fundado em 1436, tem uma área de 3.035.145 m² e mais de 1 milhão de pessoas sepultadas. 

    A sua área é dividida em 12 seções e cada uma corresponde a diferentes grupos religiosos, sendo um cemitério de expressão multicultural assim como o citado acima. 

    O cemitério leva o nome de Karaca Ahmet, um guerreiro que foi enviado para Istambul para divulgar a religião do Islã. 

    Existem muitas tumbas e mesquitas históricas, e lápides que podem ser vistas com inscrições do antigo alfabeto otomano. 

    5. Cemitério de Ohlsdorf 

    Entrada do Cemitério de Ohlsdorf 

    Com mais de 1,5 milhões de sepultados e uma área equivalente a 3.209.266 m², o cemitério de Ohlsdorf, localizado em Hamburgo, Alemanha, e fundado em 1877, é o maior cemitério do país.

    Além disso, também considerado o quarto maior cemitério do mundo e o maior jardim-cemitério que existe. 

    Reúne aproximadamente 300 mil túmulos, muitos mausoléus de celebridades, 200 mil monumentos, 700 fontes, 12 capelas, 3 museus e inúmeras esculturas.

    Quando projetado pelo arquiteto Wilhelm Cordes, sua pretensão era de que esse cemitério não tivesse nada de mórbido, mas sim que fosse um lugar bem alegre e bonito.

    Graças a isso, o cemitério oferece excelentes visitas em todas as estações, com arbustos de rododendros gigantes. 

    Além de coníferas, canteiros floridos, belos lagos, presença de várias espécies de pássaros, 80 km de trilhas adequadas para caminhada e até passeio de bicicleta.

    Tudo isso faz desse cemitério uma grande atração turística que recebe a visita de aproximadamente dois milhões de pessoas todos os anos. 

    6. Abraham Lincoln National Cemetery 

    Placa do Abraham Lincoln National Cemetery

    Esse é outro grande cemitério dos Estados Unidos, situado em Elwood. Fundado em 1862, com sua área de 3.974.016 m², é considerado o terceiro maior cemitério do mundo. 

    Possui esse nome devido ao fato do presidente Abraham Lincoln ter sido fundador do sistema nacional de cemitérios do país. 

    Há nele um obelisco coroado por uma águia de bronze que figura entre seus principais destaques e presta homenagem aos mais de 2 mil americanos mortos no ataque de Pearl Harbor. 

    É um cemitério com predominância militar, possuindo 15 memoriais aos mortos em serviço nas guerras do século XX, que atrai a maioria dos seus visitantes.  

    No ano de 2015, foi erguido o primeiro monumento em homenagem aos veteranos LGBT no cemitério.

    7. Wadi al-Salaam Cemitério 

    Túmulos no Wadi al-Salaam Cemitério

    Com 6.070.290 m² e mais de 10 milhões de corpos sepultados e situado em Najaf, Iraque, o Wadi al-Salaam, traduzido em português para “Vale da Paz”, é o maior cemitério do mundo.

    Esse cemitério possui mais sepultados do que o número de pessoas vivas na cidade em que está localizado e, apesar de ser o maior do mundo, está ficando sem espaço por causa da violenta guerra contra o Estado Islamico. 

    A título de compreensão, antes da ascensão do Estado Islamico no Iraque a média de enterros por dia no Wadi al-Salam não ultrapassava 120. 

    Nos dias atuais, são registrados em torno de 200 sepultamentos diários. 

    Sua relevância histórica para os seguidores do Islamismo está diretamente relacionada com a sua dimensão impressionante. 

    Lá estão sepultadas figuras importantes dessa religião, como o “principe dos fiéis” Ali Ibn Abi Talib, genro de Maomé, além de outros inumeros profetas importantes para a doutrina xiita. 

    As suas sepulturas são construídas de acordo com as possibilidades financeiras dos familiares do sepultado. 

    Extremamente variadas, algumas podem atingir até 10m de altura, enquanto outras são subterrâneas e podem ser acessadas somente através de escadas.

    Recentemente a Unesco tombou o “Vale da Paz” como patrimônio mundial, devido a sua importância histórica e arquitetônica.

    Bônus: Maior cemitério da América Latina

    O Brasil não possui nenhum cemitério que seja tão grande quanto os citados aqui, porém, possui o maior cemitério da América Latina, o Cemitério da Vila Formosa. Venha conferir detalhes sobre ele abaixo!

    Cemitério da Vila Formosa 

    Entrada do Cemitério da Vila Formosa 

    Fundado em 1949 e localizado na cidade de São Paulo (distrito de Carrão), o Cemitério da Vila Formosa possui 763.175 m² e já realizou mais de 1,5 milhões de sepultamentos.

    O cemitério representa uma importante área verde para a Zona Leste de São Paulo, sendo superada em tamanho somente pelos parques Anhanguera, Ibirapuera e o Parque do Carmo.

    Em 2020, duas fotos icônicas do cemitério que enterra principalmente pessoas da classe C, D e E, viralizou e estampou a capa do jornal americano Washington Post. 

    Na primeira foto tirada no dia 1° de abril, dezenas e dezenas de covas abertas. Na segunda, em 1° de maio, praticamente todas ocupadas – devido a pandemia da Covid-19. 

    Agora conta aí, você ficou com vontade de conhecer algum desses cemitérios? Ou já teve a oportunidade de visitar algum dos citados nessa lista?

    Deixe sua opinião na caixa de comentários e aproveite para seguir o blog e ficar por dentro de mais conteúdos interessantes como este!

    Confira também:

    Deixe um comentário